Câmara de Vereadores de Paulo Afonso - Bahia

"Todo poder emana do povo e em seu nome é exercido"


Ata das Sessão

Tipo: Ordinária
Data da sessão: 10/10/2016

Câmara Municipal de Paulo Afonso
Estado da Bahia
Ata da milésima Octingentésima Quinquagésima Sétima, Sessão Ordinária realizada aos dez dias do mês de outubro do ano de dois mil e dezesseis. A hora regulamentar, o senhor Presidente autorizou a chamada dos Senhores Vereadores a ela responderam: Albério Carlos Caetano da Silva, Albério Faustino Farias, Antônio Alexandre dos Santos, Edson Oliveira Maciel, Ivaldo Sales Nascimento, José Gomes de Araújo, José Carlos Coelho, Leda Maria Rocha Araújo Chaves, Luiz Aureliano de Carvalho Filho, Marconi Daniel Melo Alencar, Marcondes Francisco dos Santos, Manoel Messias Moreno da Silva, Pedro Macário Neto e Regivaldo Coriolano da Silva. Ausente o Vereador Petrônio José Lima Nogueira que justificou. Havendo quórum legal para deliberar, o Senhor Presidente declara aberto os trabalhos e autoriza o primeiro Secretário a fazer a leitura da ata da sessão anterior, que após lida foi aprovada por unanimidade. Em seguida, o Sr. Presidente autoriza a leitura das matérias do Expediente Não Sujeito à Votação constou de: Of. n° 1426, 1442, 1445, 1448, 2090, 2094, 2456, 2459, 2469, 2495, e 2501/16 acusando o recebimento das matérias aprovadas por esta Casa e enviou a secretaria competente, enviado pelo Assessor do Governador do Estado da Bahia , Nesmar Andrade; Of. n° 475/16 que a solicitação foi encaminhada a secretaria e informa que foi autorizado através da CERB a perfuração do poço artesiano no Povoado Baixa do Cambão, enviado pelo Chefe de Gabinete do estado da Bahia - Luiz Fernando Coelho Dantas; Of. n° 664/16 informando a impossibilidade da matéria por falta de dotação orçamentária, enviado pelo chefe de gabinete da secretaria de desenvolvimento rural da bahia - Edson Neves Valadares; Memorando S/N acusando o recebimento das matérias aprovadas por esta Casa enviado pelo Sr. João Leão. Exposição Justificativa n° 01/16 em caráter de urgência Projeto de Lei que trata de autorização para abertura de crédito adicional suplementar enviado pelo Chefe do Executivo. Projeto de Lei n° 30/16 Estima a receita e fixa a despesa do orçamento anual do Município de Paulo Afonso para o exercício de 2017 do chefe do executivo; Projeto de Lei n°32/16 dispõe sobre o Reconhecimento de utilidade pública a Associação Comercial. Industrial, Agropecuária e de Serviços de Paulo Afonso-Ba - Ascopa e dá outras providências de todos os Vereadores; Projeto de Lei n° 33/16 autoriza o Poder Executivo Municipal proceder ao Orçamento Fiscal e de Seguridade social do Município para o exercício financeiro de 2016 a abertura de crédito adicional suplementar no valor de R$ 8.000.000,00 oito milhões, na forma que indica e dá outras providências, Chefe do Executivo. Requerimento n° 776 a 781/16 do Ver. Albério Carlos. No Grande Expediente usaram da palavra os Vereadores: Pedro Macário Neto agradece pela sua reeleição a Deus, aos familiares e aos seus eleitores, como também a sua equipe de trabalho. Continuando falou que sempre continuará servindo a todos de Paulo Afonso. Prosseguindo agradeceu e homenageia ao candidato Paulo de Deus e as pessoas que confiaram no seu projeto. Finalizou agradecendo a todos que confiaram no seu trabalho reelegendo novamente. Antônio Alexandre dos Santos reportou-se sobre o poder financeiro que prevalece sobre a democracia e lamentava que algumas pessoas se deixaram levar por isso e espere quatro anos para tá reclamando a situação da sociedade. Falou que tinha um candidato que se dizia da oposição e de oposição ele não tinha nada, esse candidato pensa exclusivamente em se dar bem e na campanha ele mudou pra outro lado, sendo que os interesses se sobrepõe em cima dos interesses políticos. Continuando fez uma denúncia dizendo que havia carros da prefeitura colocando piche nas ruas em plena véspera de eleição, sendo uma obra eleitoreira, como também a entrega de cestas básicas. Finalizou falando da falta que o Vereador Aureliano irá fazer falta como parlamentar que foi oposição e que irá passar os quatro anos sendo oposição. Luiz Aureliano de Carvalho Filho reportou-se sobre a eleição e que não tem temperamento para certas coisas, preferindo ser médico e defendia que o parlamentar deveria ter no máximo dois ou três mandatos, como também os cargos indicados. Continuando falou que eleição é democracia e o peso muito grande é a questão do dinheiro. Falou que neste País haja uma reforma política, que um Vereador tenha mais de mil votos não seja eleito e outro que tem quinhentos votos seja eleito, e que defendi o voto distrital ou misto, onde cada vereador é candidato por uma região ou bairro e quem for mais votado naquele bairro seja eleito. Continuando falou que tem que acabar com a coligação proporcional, tá na reforma política, partido não vai poder se coligar com outro. Finalizou falando que a partir de agora, só irá votar em partido da esquerda. Marconi Daniel Melo Alencar reportou-se a sua família, a sua assessoria, ao povo da zona rural e urbana que contribuíram na sua votação e reeleição a Vereador. Continuando falou que estará à disposição do povo de Paulo Afonso, trabalhando cada vez mais na melhoria de um povo sofrido. Prosseguindo reportou-se ao Vereador eleito Mário Galinho que veio acompanhar esta Sessão, onde possa vim a multiplicar, a somar com os demais Vereadores eleitos para que possam está fazendo uma sociedade mais justa. Continuando falou que o que prevalece é a democracia e não compra de voto pois, o povo elegeu o Luiz Barbosa de Deus, o povo quis a sua vitória. Finalizou dizendo que o Prefeito até 31 de dezembro será prefeito desta cidade e que todas as ruas serão asfaltadas e todas as ruas de Paulo Afonso terá a iluminação led. Como último orador usou da palavra o Vereador Edson Oliveira Maciel que iniciou recitando o Salmo vinte e três, como fez todos esses anos como Vereador nesta tribuna. Em seguida agradece a sua família, aos seus assessores pelo apoio nesta eleição e se solidariza com todos os Vereadores nominalmente e que nesta campanha lutaram e trabalharam neste pleito de eleição. Continuando agradeceu aos seus mil cento e vinte e cinco eleitores que votaram, acreditaram e confiaram na sua pessoa. Prosseguindo agradeceu aos funcionários desta Casa pelo apoio que deram, a imprensa que tão bem desempenha o seu papel. Finalizou dizendo que continuará defendendo os interesses do povo de Paulo Afonso e não pretende abandonar a política pois a política é a essência da vida. No Expediente da Ordem do Dia: O Ver. Marcondes solicita do Plenário que o Projeto de Lei n° 32/16 seja aprovado nesta Sessão em que o Sr. Presidente coloca em votação sendo aceito. Projeto de Lei n°32/16 dispõe sobre o Reconhecimento de utilidade pública a Associação Comercial. Industrial, Agropecuária e de Serviços de Paulo Afonso-Ba - Ascopa e dá outras providências de todos os Vereadores, sendo aprovado por unanimidade. Vereador Macário solicita Moção de Pesar pelo falecimento do Sr. Gilberto França dos Santos conhecido como Gilbertão Qualhada. O ver. Edson solicita Moção de Pesar pelo falecimento da Sra. Maria Eurizete de Olanda, onde todos foram aprovados. Não havendo mais nada a tratar, o Senhor Presidente deu por encerrado a presente Sessão, da qual, para constar, lavrou-se a presente Ata, que vai por mim e demais Vereadores presente assinado. Eu, Vereador Regivaldo Coriolano da Silva - Primeiro Secretário, a fiz escrever e assino. Sala das Sessões aos dez dias do mês de outubro do ano de dois mil e dezesseis.
Ver. Albério Faustino Farias - Presidente -
Ver. Regivaldo Coriolano da Silva - 1° Secretário -
Ver. Luiz Aureliano de Carvalho Filho - 2° Secretário -


Anteriores




Câmara Municipal de Paulo Afonso - Bahia
Avenida Apolônio Sales 495 - Centro
Paulo Afonso - BA
CEP: 48601-200
Fone: (75) 3282-3850